O inverno vai começar e com ele chegarão algumas mudanças no cotidiano das pessoas. Além das baixas temperaturas registradas em algumas regiões do Brasil, o clima fica mais seco e a umidade relativa do ar diminui. Uma das partes do nosso corpo que sofre nessa época do ano são os olhos. E quase sempre será preciso procurar auxílio profissional para resolver o problema.

É comum, com o frio, as pessoas sentirem o olho seco. O clima faz com que as pessoas percam mais água de maneira geral e nos olhos, com as lágrimas, em particular. Então, poderá haver uma sensação de um corpo estranho nos olhos, de que eles estão “colados”, que nada mais é do que o muco que se produz no sentido de promover a lubrificação.

Especialistas recomendam medidas simples para dar mais conforto a quem sofre de olho seco. “O ideal é tentar aumentar a umidade do ar nos locais onde a pessoa fica ou usar colírios, receitados por um profissional”, advertem.

Em algumas regiões do país chove pouco nesse período, aumentando a luminosidade do sol. Por esta razão é importante proteger os olhos da exposição excessiva. Os oftalmologistas afirmam que o que prejudica mais na luminosidade, dependendo do local em que a pessoa esteja, como a beira de uma praia, por exemplo, é o reflexo muito grande e os raios ultravioletas. Sempre que possível recomenda-se o uso de óculos escuros, sempre observando a qualidade das lentes, observe que elas tenham filtro contra raios ultravioletas. Os casos de conjuntivite no inverno, diminuem, as que ocorrem, normalmente são virais ou até mesmo bacteriana. Fonte: Agência Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá.
Podemos te ajudar?